Estratégias de Liderança   

DEZ DICAS SOBRE COMO LIDAR COM A CRíTICA
1 - Tente não se irar
As demais sugestões na nossa lista simplesmente serão impossíveis de serem praticadas se você perder a cabeça e explodir em ira. Claro que não é fácil manter a calma quando se está debaixo de uma artilharia, porém, vale a pena relembrar as palavras de vida que Paulo declarou aos Efésios: Livrem-se de toda amargura, indignação e ira, gritaria e calúnia, bem como de toda maldade. Efésios 4:31

2. Ouça a crítica atentamente
Tente compreender exatamente o que foi dito e porque, de tal maneira que você possa dar uma resposta apropriada. Se nenhum outro objetivo for alcançado, pelo menos você poderá aprender muito sobre a outra pessoa ao ouvi-la com atenção. Você também fará com que a pessoa passe a se sentir bem a respeito de você, uma vez que você foi aberto e pronto a ouvi-la. Uma palavra de cautela: não importa quão difícil isso venha a ser, é por demais importante que você não diga nada até que o crítico conclua o que tem a dizer ou lhe faça uma pergunta.

3 - Quanto aos críticos injuriosos
Se a crítica é feita de maneira inepta ou punitiva, então é melhor focalizar a sua atenção na inabilidade do crítico do que se sentir ferido. Imagine quantas outras pessoas já não foram feridas pelas palavras inconseqüentes dessa pessoa. Não se apresse a atribuir malicia àquilo que pode ser explicado por incompetência.

4 - Peça por exemplos dos seus erros
Faça isso com um sincero desejo de ir à raiz do questionamento da outra pessoa. Não tenha uma atitude negativista, sarcástica ou antagonista. Faça as perguntas que puder a fim de ajudá-lo(a) a entender a situação e demonstre o seu desejo de ouvir a outra pessoa.

5 - Compartilhe a sua percepção da situação
Primeiramente, reconheça a extensão da sua concordância com alguns pontos da possível crítica que lhe foi feita. De maneira polida, porém, com firmeza corrija as informações que não são corretas - dadas pelo seu crítico. Trate das questões da maneira mais desapaixonada possível.

6 - Nunca acuse o crítico de ser injusto
Mesmo que você acha que a crítica não é justa, você pode estar certo que essa não é a opinião do crítico. Você poderá eventualmente ser capaz de convencer a pessoa do erro dela, mas você não irá conseguir isso simplesmente acusando-a.

7 - Faça um sumário das suas discordâncias
Assinale objetivamente as discrepâncias que permanecem entre os dois pontos de vista em termos específicos. Fique firme na sua posição, mas sem malicia. Sugira uma ação corretiva a fim de resolver a discordância que ainda permanece.

8 - Examine os seus sentimentos
Uma vez que as questões foram lidadas descreva os seus sentimentos em função da crítica que você recebeu. Dê a essa pessoa a oportunidade de compreender como você se sentiu e de que maneira ela teria se sentido se estivesse em seu lugar.

9 - Agradeça ao crítico
Agradeça com sinceridade, demonstre apreciação pelo desejo dessa pessoa de lhe ajudar a crescer através da crítica mesmo que isso lhe tenha ferido.

10 - Agradeça a Deus
Ao longo dos anos eu tenho crescido e aprendido muito mais com os meus críticos do que com pessoas que concordam comigo. Portanto, a essas pessoas eu tenho expressado a minha gratidão por me ajudarem a crescer em áreas que venho resistindo à ação de Deus. Agradecer a Deus, portanto, é mais do que oportuno em tempos em que tenho a excelente oportunidade de me

Nélio DaSilva

Voltar